Missão

Produzir, sistematizar e socializar o conhecimento, visando à formação de cidadãos livres, capazes e solidários, contribuindo para o desenvolvimento de uma sociedade sustentável.

Visão

Ser uma Universidade comunitária e democrática, reconhecida por relevantes contribuições ao desenvolvimento, capaz de responder de forma criativa e dinâmica às transformações do contexto social.

COMPROMISSOS INSTITUCIONAIS


A concepção de universidade e a missão da Unisc, articuladas aos seus princípios norteadores, sustentam o seguinte conjunto de compromissos básicos que são o substrato de sua operação e de seu funcionamento:

- Compromisso com a qualidade universitária, que se expressa através de uma política de ensino, pesquisa e extensão, alicerçada num programa permanente de avaliação institucional e num programa de capacitação docente em constante aperfeiçoamento, e de uma política de gestão de pessoas que assegura boas condições de trabalho e qualidade de vida a docentes e técnicos administrativos.

- Compromisso com a democracia, que se expressa em mecanismos institucionais democráticos, como a exigência estatutária de eleições diretas para todos os cargos de direção, na gestão democrática, no aprofundamento cotidiano da prática participativa e através de todas as relações estabelecidas pela Instituição com a sociedade.

- Compromisso com a comunidade e realidade regional, que se traduz em um perfil institucional definido a partir das características do modelo comunitário de universidade e das demandas e necessidades da região, em políticas institucionais de ensino, pesquisa e extensão, bem como na participação do poder público e da sociedade civil organizada nos órgãos colegiados da Universidade.

- Compromisso com a responsabilidade social e ambiental, que se expressa por meio dos currículos e de ações que contribuam para a melhoria da qualidade de vida do ser humano, realizadas coerentemente em relação aos objetivos e valores institucionais, com respeito, diálogo e transparência para com a sociedade.

- Compromisso com os direitos humanos, baseado nos princípios da dignidade humana, da igualdade de direitos, do reconhecimento e da valorização das diferenças e das diversidades, da laicidade do Estado, da democracia na educação, da transversalidade, vivência e globalidade, e da sustentabilidade socioambiental.


...
...
...

ESTRUTURA ADMINISTRATIVA


A estrutura administrativa da Universidade é constituída por duas instâncias:

Administração Superior: formada por três órgãos deliberativos (Conselho Universitário, Conselho de Graduação e Conselho de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Relações Comunitárias) e por um órgão executivo, a Reitoria.

Administração Básica: composta por órgãos deliberativos: os Colegiados de Departamento; e por órgãos executivos: as Chefias de Departamento.


Pró-Reitorias
A Unisc é composta por cinco pró-reitorias, responsáveis por diversas atividades que contribuem para o funcionamento e para o desenvolvimento da Universidade. São elas:
- Pró-Reitoria de Administração (Proad);
- Pró-Reitoria de Extensão e Relações Comunitárias (Proext);
- Pró-Reitoria de Graduação (Prograd);
- Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Proppg);
- Pró-Reitoria de Planejamento e Desenvolvimento Institucional (Proplan).

Pós-graduação lato sensu e stricto sensu


A pós-graduação lato sensu da Unisc, durante o ano de 2018, contou com 1.428 alunos matriculados nas modalidades presencial e EaD, num total de 40 cursos em andamento (MBA, especialização e aperfeiçoamento).

Com oito programas de mestrado - Administração, Desenvolvimento Regional, Direito, Educação, Letras, Promoção da Saúde, Sistemas e Processos Industriais e Tecnologia Ambiental, e cinco de doutorado - Desenvolvimento Regional, Direito, Educação, Letras, e Tecnologia Ambiental, a pós-graduação stricto sensu contou, em 2018, com 233 mestrandos e 128 doutorandos. Em 2018, a Capes aprovou dois novos cursos: Mestrado Profissional em Psicologia e Doutorado em Promoção da Saúde.

Política de Internacionalização


A Universidade, por meio da Assessoria para Assuntos Internacionais e Interinstitucionais (AAII), desenvolveu, ao longo do ano de 2018, ações previstas na Política de Internacionalização, em consonância com o Plano de Desenvolvimento Institucional, com vistas aos cenários interno e externo e deu continuidade às atividades de relevância estratégica, tanto quantitativa quanto qualitativamente.

Destacam-se os seguintes dados relacionados à internacionalização da Unisc em 2018:

  • 78 convênios internacionais vigentes com universidades de 20 países;
  • 38 estudantes estrangeiros de sete países em atividades na Unisc;
  • 244 alunos de graduação e de pós-graduação enviados para 15 países, por meio de programas como Promai e Graduação, Mestrado e Doutorado Sanduíche, além de participação em eventos, visitas técnicas, viagens de estudo, estágios em empresas e hospitais, entre outros;
  • Continuidade da mobilidade internacional docente – 75 docentes da Unisc realizaram atividades em 23 países, e outros 29 professores estrangeiros, oriundos de 11 países, estiveram na Universidade;
  • 2ª International Week da Unisc, com 34 atividades realizadas;
  • Sete Viagens Internacionais de Estudo para Argentina, Chile, Portugal e Uruguai;
  • Presença na Unisc de grupos de docentes e estudantes do Canadá, Equador e Peru.
  • 1ª International School com formação em inglês a estudantes estrangeiros;
  • Estudantes e professores da Unisc foram contemplados com bolsas de estudo dos Governos do Canadá e dos EUA;
  • Organização de grupos de estudo de idioma para Argentina, Canadá, Espanha, EUA, Inglaterra e Irlanda;
  • Participação nas conferências e nos encontros de Educação Internacional: NAFSA (EUA), Faubai (Rio de Janeiro) e EduExpo/Edu (Canadá);
  • Aprovação do Projeto English for Inclusion, com recursos do Governo Americano, beneficiando 60 estudantes de escolas públicas locais com aulas de inglês gratuitas.

Educação a Distância (EaD)


A Unisc oferece cursos de pós-graduação lato sensu, de extensão e de graduação na modalidade de educação a distância (EaD), a qual proporciona maior flexibilidade de horários de estudo e de desenvolvimento de competências tecnológicas fundamentais para a atuação na sociedade atual. A partir da Sala de Aula Virtual, o estudante pode interagir com seus colegas de curso, professores, tutores e monitores técnicos, além de receber acompanhamento pedagógico ágil.
A escolha da Universidade por esse modelo de EaD tem por objetivo superar as distâncias e formar cidadãos criativos, dinâmicos, com consciência crítica e capazes de estabelecer relações cooperativas nas comunidades onde estão inseridos.

A UNISC EM NÚMEROS


Alunos de Graduação

8.085

Alunos de Pós-Graduação Lato Sensu

1.428

Alunos de Pós-Graduação Stricto Sensu

361

Alunos do Centro de Línguas e Culturas

788

Alunos do Centro de Extensão em Informática

106

Financiamentos, bolsas e descontos


A Unisc, comprometida com o desenvolvimento e a valorização dos princípios éticos para com a comunidade na qual está inserida, busca, constantemente, por programas de financiamentos e bolsas para possibilitar a inserção dos estudantes nos cursos de graduação e de pós-graduação stricto sensu.

Fies

Em 2018, o MEC realizou alterações na legislação do Fies, modificando intensamente as regras tanto para os estudantes, quanto para as universidades. Entre as mudanças, as mantenedoras passaram a participar do risco do financiamento, como devedoras solidárias, devendo comprometer-se a realizar aportes ao FG-Fies.

Foram criadas duas modalidades de financiamento, modalidade I-Fies (para os estudantes com renda bruta mensal per capita de até 3 salários mínimos) e II P-Fies (para estudantes com renda bruta mensal per capita de até 5 salários mínimos).

Em 2018, 2.294 estudantes utilizaram o Fies no 1º semestre e 1.890 estudantes no 2º semestre.

CrediUnisc

Programa de Crédito Educativo com recursos próprios da Unisc. O percentual de financiamento é de 50% sobre o valor da mensalidade e pode ser utilizado pelo prazo regular de duração do curso. O valor financiado deve ser restituído após a conclusão do curso. Em 2018, o CrediUnisc foi reformulado para juro zero, quando 603 acadêmicos acessaram o financiamento no 1º semestre e 601 no 2º semestre.

Convênio Sicredi

Convênio firmado com a cooperativa de crédito Sicredi que financia a mensalidade integral para todo o período da graduação, iniciando o estudante o pagamento de 50% do valor financiado no mês seguinte à contratação. Em 2018, 10 estudantes acessaram o financiamento no 1º semestre e 5 no 2º semestre.

Pravaler

Empresa privada que oferece financiamento estudantil de 100%. A contratação é semestral. Cada semestre é pago em um ano, mas as parcelas nunca se acumulam. Em 2018, 3 estudantes contrataram o financiamento no 1º semestre e 24 no 2º semestre.

ProUni

A Unisc aderiu ao ProUni desde a sua implantação, em 2005, possibilitando aos estudantes em situação de vulnerabilidade social o ingresso no ensino superior, com bolsas de estudo integrais e parciais de 50%. No ano de 2018, foram beneficiados 1.279 alunos com bolsa de estudo integral e 99 com bolsa de estudo parcial de 50%.

Bolsa de Estudo Unisc

Programa mantido com recursos da Universidade, que oferece bolsas integrais e parciais de 50% a alunos com renda bruta familiar per capita de até um salário mínimo e meio, para bolsas 100%, e de até três salários mínimos, para bolsas 50%, regularmente matriculados em cursos de graduação. Em 2018, foram concedidas 36 bolsas de estudo integrais e 22 parciais de 50%.

Convênios

Programa Parceria Unisc

Por meio de convênios com empresas e prefeituras da região, 85 estudantes no 1º semestre e 75 no 2º semestre de 2018, entre funcionários e servidores, foram beneficiados com descontos nas mensalidades e nos serviços e produtos da Universidade.

Outros programas de descontos:

Fidelização

O desconto para alunos egressos da Educar-se e do Cepru é de 7% no semestre até o final do curso, independentemente do valor investido.  Em 2018, foram beneficiados 76 estudantes no 1º semestre e 71 no 2º semestre.

 

Família

Concede o desconto de 3% para todos os integrantes do mesmo grupo familiar, beneficiando 157 acadêmicos no 1º semestre e 217 no 2º semestre, em 2018.

 

Experiência

Concede 10% de desconto para estudantes com 50 anos ou mais.

 

Segundo Curso Simultâneo

Concede 15% de desconto em cada um dos dois cursos matriculados pelo estudante.

 

Desconto Diplomados de outras Instituições de Ensino

Concede desconto de 20% nos cursos de graduação da Unisc, em que houver vaga disponível, a egressos diplomados em instituições de ensino diversas das mantidas da Apesc/Unisc. Em 2018, 26 estudantes utilizaram o benefício no 1º semestre e 38 no 2º semestre.

 

Número de alunos bolsistas ou financiados – % sobre o total de alunos na graduação

Ano

Nº Alunos Graduação

Nº Alunos Bolsistas/Financiados*

% sobre o Total

2016/2

10.062

7.552

75,05%

2017/2

9.052

6.461

71,38%

2018/2

8.085

5.434

67,21%

Áudio e Vídeo


Presta serviços de apoio técnico e administra as reservas de auditórios e salas de aula para atividades como: seminários, palestras, reuniões e capacitações. Em 2018, foram 43 eventos, beneficiando entidades como a Secretaria Estadual de Educação, a Secretaria Municipal de Educação de Santa Cruz do Sul, a Brigada Militar, a Susepe, o Corpo de Bombeiros, a Secretaria Municipal de Saúde de Santa Cruz do Sul e a Associação Pró-Autismo de Santa Cruz do Sul Luz azul.

Bibliotecas Unisc


As Bibliotecas da Unisc estão vinculadas à Pró-Reitoria de Graduação (Prograd). O acervo total contabiliza cerca de 395 mil exemplares, dentre livros, periódicos, CDs, DVDs, folhetos, mapas, entre outros materiais. O grande número faz com que figure como uma das maiores Bibliotecas do Estado em termos de acervo. Ao atuarem na promoção do conhecimento, assumem o papel de protagonista e comprometem-se, cada vez mais, com o desenvolvimento da comunidade, na qual está inserida.

Membros da comunidade local e regional e alunos diplomados egressos da Unisc, participantes do Programa Voltare, têm livre acesso ao acervo para consulta local e salão de leitura. Em 2018, a Biblioteca Central passou a disponibilizar o empréstimo de chromebooks para uso em suas dependências.



Estatística do Acervo das Bibliotecas Unisc até 31/12/2018

 

Títulos

Exemplares

Livros

126.939

266.891

Periódicos

3.134

111.084

Produção Científica

6.801

7.030

Produção Digital

2.719

----

Outros

6.343

10.016

Total

145.936

395.021



Central Analítica


A Central Analítica, vinculada à Pró Reitoria de Extensão e Relações Comunitárias (Proext), atua na prestação de serviços de análises tanto para pessoas físicas, quanto jurídicas, nos mais variados segmentos analíticos, através de seus sete laboratórios e duas unidades de apoio.

As Unidades da Central Analítica são compostas por:

  • Laboratórios de Solos;
  • Laboratório de Fertilizantes e Corretivos;
  • Laboratórios de Tecido Vegetal;
  • Laboratório de Fitopatologia e Nematologia;
  • Laboratório de Espectrometria;
  • Laboratório de Microbiologia;
  • Laboratório de Águas;
  • Serviço de Coletas e
  • Unidade de Manutenção de Equipamentos.

A Central Analítica atua em todas as regiões do país, sendo reconhecida como referência em análises no segmento do Agronegócio. Possui um parque tecnológico amplo e moderno, com um corpo técnico composto por 34 funcionários, entre graduandos, graduados e mestres. No ano de 2018, foram realizadas mais de 2.000.000 de análises em mais de 150 mil amostras.

Com seus 30 anos de atuação, possui certificações, como a ISO:17025 e o credenciamento em vários órgãos, como o Ministério da Agricultura e Abastecimento (Mapa).

UNIDADE DE SAÚDE COMUNITÁRIA


O profundo envolvimento da Unisc com a comunidade faz com que a Instituição promova atendimentos prioritários para usuários em situação de vulnerabilidade social e para a população em geral, das regiões onde atua, de acordo com o número de vagas disponíveis, por meio de serviços na área da saúde - Enfermagem, Medicina, Nutrição, Psicologia, Fisioterapia e Odontologia.

Serviço Integrado de Saúde (SIS)


Os atendimentos do SIS estão diretamente vinculados à implantação dos cursos de Enfermagem, de Medicina, de Nutrição e de Psicologia; às disciplinas teórico-práticas; e aos estágios curriculares, práticas de ensino e complementares.

As principais atribuições do SIS são: desenvolver projetos interdisciplinares; constituir campos de estágios de Enfermagem, de Medicina, de Nutrição e de Psicologia, bem como fomentar trabalhos multi, inter e transdisciplinares em saúde; prestar serviços à comunidade acadêmica e à comunidade em geral de Santa Cruz do Sul e da região; e realizar atividades de pesquisa e de extensão.

No SIS são oferecidos os seguintes serviços:

Enfermagem: Realiza diversos procedimentos ambulatoriais, como consultas, verificação de pressão, vacinação, nebulização, aplicação de medicação, coleta citopatológica e do teste do pezinho, curativos, retiradas de pontos, imobilizações e exame de mama, entre outros. Presta orientações e realiza encaminhamentos e visitas domiciliares.

Medicina: Realiza ações de tratamento e prevenção. Disponibiliza coleta citopatológica e consultas pediátricas, endócrinas, de puericultura, geriátricas, ginecológicas e clínicas, além de realizar atendimento interdisciplinar com a área da Enfermagem (saúde coletiva e família), entre outros serviços.

Nutrição: Realiza avaliação nutricional, física e antropométrica; atendimento ambulatorial individual; oficinas de alimentação saudável para diabéticos, hipertensos e para a população em geral; atendimento a crianças, adultos, atletas, praticantes de atividade física e idosos, entre outros.

Psicologia: Realiza atendimentos individuais (psicoterapia para crianças, adolescentes e adultos; psicodiagnósticos; acolhimento; e atendimento psiquiátrico) e coletivos (casal e família; grupos de crianças; de adolescentes; de ansiedade; de mulheres; de psicoterapia, entre outros).



Enfermagem

13.964

Medicina

1.161

Nutrição

2.806

Psicologia

8.619


Além dos serviços realizados pelas áreas já mencionadas, o SIS oferece à comunidade de Santa Cruz do Sul e da região ações coletivas que buscam a socialização, a integração, o apoio psíquico, as trocas de experiências e de saberes, a construção de projetos em grupo, entre outros. Essas atividades estão divididas nos seguintes grupos terapêuticos:

  • Ambulatório - investigação de paternidade;
  • Grupo de gestantes;
  • Grupo entre elas;
  • Grupo entre mulheres;
  • Grupo de apoio psicológico ao luto;
  • Grupo de educação em saúde;
  • Grupo UniAMa;
  • Grupo dieta na vida real: corpo leve, vida saudável (medida certa);
  • Grupo do cuidador - equipe do SIS;
  • Grupo AAPOT;
  • Grupo acolhimento;
  • Grupo ação em saúde - violência doméstica;
  • Grupo ansiedade;
  • Grupo Cemeja;
  • Grupo Copame;
  • Grupo desenvolvendo recursos empáticos na inclusão;
  • Grupo estudos em Gestalt;
  • Grupo mulheres em foco;
  • Grupo pais adotivos - criando laços, fortalecendo vínculos;
  • Grupo pais e responsáveis;
  • Grupo projeto de vida;
  • Grupo saberes; e
  • Grupo saúde do trabalhador.


...
...

Cenários de Prática


As atividades desenvolvidas pelos acadêmicos dos cursos da área da saúde na rede municipal de Santa Cruz do Sul são diversas. Pode-se citar desde planejamento, execução e avaliação de projeto assistencial na atenção básica de saúde envolvendo as dimensões do cuidado, gerenciamento, investigação e educação indicado à prática profissional em situações reais de trabalho;promoção da beleza, do bem-estar e da qualidade de vida dos beneficiados (maquiagem básica, higienização e hidratação facial, designer de sobrancelhas, massagens); sessões de atividade física e saúde; visitas domiciliares de acadêmicos de diferentes áreas através de  ações interdisciplinares e multiprofissionais; planejamento e execução de atividades que possibilitem a atenção e cuidados em saúde, conforme necessidade local, sendo pactuadas junto às equipes de saúde e/ou outros cursos da UNISC; atendimento clínico (procedimentos) na área da odontologia no Pró-Saúde (Glória/Imigrante) e na ESF Arroio Grande; ações em saúde, análise e intervenção institucional ou comunitária, psicoterapia, atendimentos psicológicos individuais, oficinas, grupos terapêuticos, grupos de educação em saúde acolhimentos e demais atividades definidas pelo supervisor do local; atendimento de grupos populacionais no âmbito da atenção à saúde; atividades de avaliação nutricional, bem como a implementação das ações de saúde e de alimentação e nutrição e seu impacto na população, entre outras ações.

No ano de 2018 foram realizados mais de 80 mil (80.666) atendimentos à comunidade.

Participação em conselhos sociais


A Unisc, por meio de seus cursos, departamentos e setores, integra os seguintes órgãos de participação comunitária:

Unisc de Santa Cruz do Sul

  • Conselho Municipal de Pessoas com Deficiência (Compede);
  • Crea/RS;
  • Conselho Regional de Desenvolvimento do Vale do Rio Pardo (Corede/VRP);
  • Aturvarp;
  • Angrad;
  • Comitê Antibullying;
  • Conselho Municipal de Meio Ambiente;
  • Conselho Regional de Química da 5ª Região;
  • Conselho Regional de Administração do Rio Grande do Sul (CRA-RS);
  • Conselho Municipal da Mulher;
  • Conselho Municipal do Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural (Comphac);
  • Conselho Municipal de Turismo;
  • Comissão Intersetorial de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora (Cistt);
  • Núcleo de Educação Permanente do Sistema Único de Assistência Social – RGS;
  • Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação (Comciti);
  • Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (CMDM);
  • Conselho Municipal do Idoso;
  • Conselho Municipal de Defesa Civil (Comudec);
  • Fórum Municipal de Santa Cruz do Sul;
  • Assemp;
  • Conselho Municipal de Meio Ambiente e Saneamento Básico;
  • Comitê Estadual da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica (Cerbma);
  • Conselho Municipal de Desenvolvimento Agropecuário (Compad);
  • Fórum Estadual Permanente de Apoio à Formação Docente;
  • Comung;
  • Abruc;
  • Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Amprotec);
  • OUI;
  • Associação Comercial e Industrial (ACI).

 

Unisc de Sobradinho

  • Conselho Municipal de Política Cultural;
  • Conselho de Desenvolvimento Econômico Municipal (Condem);
  • Conselho Municipal de Educação;
  • Conselho de Políticas Culturais;
  • Comitê de Etnia Italiana do Município de Sobradinho;
  • Conselho Municipal de Desenvolvimento de Sobradinho (Comude);
  • Conselho de Políticas Culturais;
  • Conselho de Desenvolvimento Territorial (Codeter).

Unisc de Capão da Canoa

  • Conselho Municipal de Meio Ambiente de Capão da Canoa;
  • Conselho Municipal do Idoso (Comid);
  • Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica);
  • Conselho Municipal de Entorpecentes (Comen);
  • Conselho Municipal de Segurança Pública (Comsep);
  • Conselho Municipal da Habitação de Interesse Social e Saneamento (Comhiss);
  • Conselho Municipal de Turismo de Capão da Canoa;
  • Conselho Municipal de Cultura e Patrimônio Histórico (Comuc);
  • Conselho Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Comdecon).

 

Unisc de Montenegro

  • Conselho Municipal da Criança e do Adolescente (Comcrad);
  • Comitê de Gerenciamento da Bacia Hidrográfica do Rio Caí;
  • Associação Comercial e Industrial (ACI);
  • Executivo Municipal de Montenegro;
  • Agência Gaúcha de Desenvolvimento e Promoção do Investimento (AGDI);
  • Corede do Vale do Caí;
  • Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação (Comciti);
  • Conselho Consultivo Regional da Região II.

 

Unisc de Venâncio Aires

  • Núcleo Municipal de Educação em Saúde Coletiva (Numesc);
  • Conselho Municipal de Educação;
  • Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Compede);
  • Conselho Municipal de Desenvolvimento (Comude);
  • Conselho de Igualdade Racial;
  • Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação;
  • Conselho da Comunidade da Comarca de Venâncio Aires.


Serviços de Fisioterapia


A Clínica de Fisioterapia da Unisc (Fisiounisc) oferece atendimentos terapêuticos à comunidade através de estágios, de projetos de extensão, de algumas práticas assistidas das disciplinas e dos trabalhos do curso de Fisioterapia, sem fechar ao meio dia e à tardinha. As principais atividades desenvolvidas em 2018, totalizando 14.885 atendimentos, foram:

  • Agendamento e avaliações iniciais dos pacientes;
  • Atendimentos fisioterapêuticos;
  • Atendimentos fisioterapêuticos de emergência;
  • Atendimentos e entrega de dispositivos por meio do projeto Serviço de Reabilitação Física (SRFis);
  • Atendimentos aos pacientes encaminhados pelo Hospital Santa Cruz (HSC);
  • Atendimentos nos bairros de Santa Cruz do Sul;
  • Práticas de disciplinas do curso de Fisioterapia;
  • Execução de projetos de monografias;
  • Atividades integrativas e complementares.

Serviços de Odontologia


A Clínica de Odontologia da Unisc presta atendimentos à comunidade nas áreas de dentística, endodontia, periodontia, cirurgia, prótese, radiologia, odontopediatria e ortodontia (preventiva para crianças). Os projetos desenvolvidos foram: Reabilitando sorrisos em busca de uma melhor qualidade de vida da população; Diagnóstico bucal (atendimento de pacientes com lesões bucais); Sorriso especial (atendimento de pacientes com deficiência); Promoção e prevenção da saúde na endodontia: tratamento conservador radical da polpa dental em pacientes jovens; e Corrente do bem Rio Pardo. Os cursos de extensão foram: Endodontia - ênfase em Instrumentação Mecanizada; Periodontia - ênfase em cirurgia periodontal e aplicação de ácido hialurônico na periodontia; Cirurgia dentoalveolar; Odontologia hospitalar; e Prótese dentária.

Em 2018, foram prestados 15.616 atendimentos. Também ocorreram atendimentos extramuros, isto é, o curso atuou em outras duas unidades de saúde fora da Universidade: no Pró-Saúde Hospitalzinho e na Unidade Básica de Saúde Arroio Grande, realizando 2.084 atendimentos.  

UNIDADE DE ASSISTÊNCIA SOCIAL


Ações sociais desenvolvidas pelas mantidas da Apesc


A Apesc desenvolve, por meio de suas mantidas, projetos, programas e serviços que prestam atendimento e assessoria a indivíduos, grupos, organizações e instituições vinculados a diversas políticas públicas e/ou sociais. Todo o trabalho realizado é planejado e aplicado para estimular a melhoria das condições e do modo de vida das pessoas e comunidades atendidas.

Gabinete de Assistência Judiciária (GAJ)


O Gabinete de Assistência Judiciária (GAJ) visa proporcionar à população em situação de vulnerabilidade social o acesso à justiça, como forma de reivindicar e proteger direitos. O setor oferece informações e elabora peças processuais cíveis, criminais e trabalhistas e realiza o acompanhamento dos processos e das audiências, proporcionando suporte emocional aos assistidos e desenvolvendo atividades de mediação das famílias na solução de conflitos. Os atendimentos abrangem os municípios das comarcas de Santa Cruz do Sul, Vera Cruz, Venâncio Aires, Rio Pardo, Capão da Canoa e Sobradinho. No ano de 2018, foram realizados 5.113 atendimentos no GAJ, além da conquista de 1.470 novos clientes.

Programa Unisc-Escola


O Programa Unisc-Escola busca a ampliação das relações entre a Universidade de Santa Cruz do Sul e a comunidade, através de parcerias realizadas dentro e fora da Instituição. 

Em 2018, evidencia-se o projeto Conexão Escola e Universidade: sujeitos, ações e saberes, realizado em parceria com docentes dos cursos de Comunicação Social, Ciências Biológicas, Matemática e Direito, organizado em três metas:

1) Ações para a promoção e o exercício da cidadania no ambiente escolar. Evento Maratona do Saber, realizado e organizado pelo Programa Unisc-Escola em parceria com os cursos de Ciências Biológicas, Comunicação Social, Computação - Licenciatura, Direito, Enfermagem, Farmácia, Física, Geografia, História, Letras e Centro de Línguas, Matemática, Nutrição, Programa de Pós-Graduação em Letras – Mestrado e Doutorado, Química e Tecnólogo em Estética e Cosmética da Unisc. Já o Plantando o Futuro é realizado junto à Secretaria Municipal de Educação, intermediado pela Área Ambiental, na sede campestre da Associação Atlética do Banco do Brasil (AABB), com crianças de 7 a 16 anos, de escolas municipais de Santa Cruz do Sul, ofertando oficinas e palestras aos alunos do Ensino Fundamental.

2) Ações voltadas à criação de um processo de interação entre Universidade x Escola x Comunidade, compartilhando conhecimentos. Oficinas, visitas didáticas, palestras e afins para Educação Básica e adultos.

3) Ações voltadas a instrumentalizar a comunidade escolar sobre a importância da qualificação para a construção de uma sociedade capaz de pensar e articular estratégias de enfrentamento e superação de questões sociais. A ação Rumos para a Educação Superior busca divulgar aos alunos do Ensino Médio as formas de acesso ao Ensino Superior, bem como promover através de oficinas e palestras a importância de uma formação continuada.


Estudantes

8.176

Professores

541

Pais e responsáveis

200

Em 2018, o Projeto alcançou 111 instituições em 15 municípios distintos, realizando diretamente 8.176 atendimentos de alunos e 541 de professores, bem como 200 de pais e responsáveis em toda a rede de ensino.

Outras demandas/parcerias pontuais


Palco do Saber, promovido pelo município de Santa Cruz do Sul e pelo Grupo Gazeta de Comunicações, com apoio pedagógico do Programa Unisc-Escola, da 6ª Coordenadoria Regional de Educação e da Secretaria Municipal de Educação. Participaram 41 escolas municipais de Santa Cruz do Sul, 568 estudantes de 9º ano do ensino fundamental participantes e 6.100 ouvintes.
Mestre Cuca: comidas do bem, promovido pela Secretaria Municipal de Educação de Santa Cruz do Sul, conta com a parceria dos cursos de Gastronomia e Nutrição da Unisc e do Programa Unisc-Escola. Participaram 08 escolas municipais de Santa Cruz do Sul, 108 estudantes de 6º e 7º ano do ensino fundamental participantes e 380 ouvintes, 09 professores e 8 merendeiras.

Núcleo de Ação Comunitária (NAC)


O Núcleo de Ação Comunitária (NAC) é vinculado à Pró-Reitoria de Extensão e Relações Comunitárias (Proext) e abriga, apoia e desenvolve diversas atividades de extensão e de relações comunitárias. As ações incluem programas, projetos, campanhas e outras iniciativas, sempre voltadas à interação da Universidade com a comunidade, especialmente com segmentos da população em situação de vulnerabilidade social.

Em 2018, destaca-se a consolidação do Programa Inserção Comunitária (PIC). Colocando acadêmicos de todos os cursos em atividades junto a entidades das áreas da saúde, da educação e da assistência social, que atendem a população de bairros da periferia de diversas cidades de abrangência a Universidade, o PIC atuou em Santa Cruz do Sul, Venâncio Aires, Vera Cruz, Rio Pardo, Candelária e Capão da Canoa, sempre em parceria com órgãos das prefeituras municipais, além do Hospital Santa Cruz (HSC) e do Hospital São Sebastião Mártir (HSSM). Entre outras propostas, continuou operando o Programa Terceira Idade na Unisc, que articula na Universidade diversas atividades voltadas a pessoas a partir dos 60 anos. É o caso do Projeto Universidade do Adulto Maior (UniAMa), um curso de extensão com dois anos de duração, focado em estudos e vivências em múltiplas áreas do conhecimento, que formou sua quarta turma em 2018.

Alguns números do PIC, em 2018:

193 vagas disponibilizadas;

206 estudantes inscritos;

41 cursos de graduação envolvidos;

36 entidades parceiras;

cinco municípios de atuação.

Beneficiários totais (estimativa): 11.840 pessoas.

...
...

Núcleo de Apoio Acadêmico (Naac)


O Núcleo de Apoio Acadêmico (Naac) foi criado em 2003, vinculado à coordenação pedagógica da Pró-Reitoria de Graduação (Prograd), visando atender às demandas biopsicossociais, às dificuldades de aprendizagem e promover recursos de acessibilidade aos estudantes que apresentam deficiência física, intelectual, sensorial, transtorno global do desenvolvimento, autismo e altas habilidades/superdotação, desde o processo seletivo vestibular até o final de sua trajetória acadêmica.

Por meio de uma equipe multiprofissional, das áreas da Psicologia, Psiquiatria, Psicopedagogia, Intepretação e Tradução de Língua Brasileira de Sinais (Libras) e auxiliares administrativos, o setor busca o acesso, a permanência e a participação dos alunos no ambiente acadêmico, através de acompanhamento individual e/ou em grupo. O Naac também orienta e assessora docentes, coordenadores de curso, diferentes setores da Universidade e comunidade, prestando serviços em momentos específicos.

No ano de 2018, promoveu a 1ª Semana de Inclusão e Acessibilidade da Unisc e o 3º Encontro de estudantes com necessidades educacionais especiais, com o tema Viva a diferença!. Em dezembro de 2018, realizou o 1º Encontro de Surdos da Unisc, que contou com a presença de estudantes, funcionários e professora para avaliar os desafios e avanços vivenciados durante o ano.

O Naac oferece apoio na área da acessibilidade, que inclui adaptação de material; apoio no vestibular; assistência de mobilidade; mobiliário adaptado, transcrição e leitura de avaliações; acompanhamento em sala de aula; digitalização de texto em formato acessível, verificação na acessibilidade das avaliações, adaptações metodológicas, interpretação de Libras, orientações de acessibilidade no campus, orientações para tecnologia assistiva e orientações a professores sobre as especificidades do estudante.

Em 2018, prestou 2.644 atendimentos entre acessibilidade, psicologia, psiquiatria psicopedagogia e intervenções grupais. No total de pessoas atendidas, foram 730 estudantes, professores, funcionários, candidatos no vestibular e comunidade; e 622 estudantes, sendo 38 com NEE (deficiência física, intelectual sensorial, dificuldades de aprendizagem e ou transtornos/doenças); e 77 professores que receberam assessoria.



Núcleo de Avaliação Institucional da Graduação (Naig)


O Núcleo de Avaliação Institucional da Graduação (Naig) busca agilizar processos que respondam por demandas internas e externas de avaliação na dimensão da graduação, através de coleta, sistematização, interpretação, assessoramento e registro de informações referentes aos cursos  e estudantes, por ocasião das visitas de avaliação in loco junto aos cursos de graduação, da realização anual do Enade e da atualização permanente e sistemática  de dados junto ao Cadastro de Cursos no Sistema  e-MEC/Seres/MEC.

Também controla e acompanha a dinâmica e o fluxo dos processos avaliativos dos cursos de graduação, quanto a seus atos regulatórios com vistas ao assessoramento de gestores institucionais da Reitoria, da Pró-Reitoria de Graduação (Prograd) e coordenações de cursos, no âmbito de suas ações. Atende a demandas internas e externas dos processos avaliativos junto à Reitoria, à Prograd, à Seres/MEC e ao Inep/MEC.

Atividades desenvolvidas em 2018:

  • Cadastro no Sistema e-MEC/Seres de cinco autorizações de cursos presenciais, com base na Autonomia Institucional, aprovados pelo Consun: Tecnólogos em Gestão Comercial, Marketing, Logística, Processos Gerenciais e Gestão de Recursos Humanos;
  • Cadastro no Sistema e-MEC/Seres de 11 autorizações de cursos, com base na Autonomia Institucional, aprovados pelo Consun, a serem oferecidos na modalidade EaD: Tecnólogos em Marketing, Processos Gerenciais, Gestão de Recursos Humanos, Logística, Gestão Financeira e Análise em Desenvolvimento de Sistemas, Bacharelados em Administração, Serviço Social e Ciências Contábeis e Licenciaturas em Letras Português e Pedagogia;
  • Abertura de Processo de Solicitação de Autorização para oferta de curso de Direito, na modalidade EaD, junto ao sistema e-MEC/Seres;
  • Abertura de Processo de Ofício para Renovação de Reconhecimento do curso de Odontologia - processo em tramitação;
  • Abertura de Processo de Oficio para Renovação de Reconhecimento do curso de Enfermagem - processo em tramitação;
  • Visita de Avaliação in loco Inep/MEC, com vistas à Renovação de Reconhecimento do curso de Engenharia Agrícola - parecer favorável;
  • Visita de Avaliação in loco Inep/MEC, com vistas à Renovação de Reconhecimento do curso de Medicina - parecer favorável;
  • Visita de Avaliação in loco Inep/MEC, com vistas à Renovação de Reconhecimento do curso de Administração de Montenegro - parecer favorável;
  • Divulgação aos coordenadores de cursos sobre o resultado do desempenho dos estudantes da Unisc no Enade 2017, referentes às áreas de Ciências Exatas e afins e Licenciaturas;
  • Cadastro no Sistema Enade/Inep/MEC de 759 estudantes de 29 cursos das áreas de Ciências Sociais Aplicadas e de Tecnologia que fizeram Enade em 2018. O resultado está previsto para ser divulgado ao longo do ano de 2019;
  • Assessoramento técnico e legal, sobre o novo Sistema de Classificação de Cursos- SINE BRASIL 2018, para coordenadores de cursos;
  • Cadastro da atualização de todos os cursos de graduação da Unisc no novo Sistema de Classificação de cursos (Sine Brasil 2018);
  • Assessoramento técnico e legal à gestão da Prograd e às coordenações de cursos sobre os Novos Instrumentos de Avaliação Inep/MEC.


...
...
...

Núcleo de Integração e Fomento das Atividades de Estágio (Nifae)


Vinculado à Pró-Reitoria de Graduação (Prograd), o Núcleo de Integração e Fomento das Atividades de Estágio (Nifae) é o setor de apoio e de assessoria ao desenvolvimento dos estágios curriculares obrigatórios e não obrigatórios da Unisc. O principal objetivo é aproximar o estudante do mercado de trabalho e, para isso, oferece os seguintes serviços a alunos e empresas: elaborar e assinar os Termos de Convênio de Estágio, Termos de Compromisso de Estágio, Relatórios e Acompanhamentos e demais documentos pertinentes ao estágio não obrigatório; intermediar os estágios realizados em empresas da região por estudantes da Unisc; prestar informações aos Agentes de Integração; auxiliar na divulgação de oportunidades de estágio e de vagas efetivas oferecidas pelas empresas.

No decorrer de 2018, foram formalizados 1.886 estágios curriculares obrigatórios e 1.810 estágios não obrigatórios.    

...

Núcleo de Saúde Coletiva (NSC)


Foi implantado com o objetivo de criar um espaço acadêmico e físico organizacional que acolhesse os docentes, os acadêmicos e os colaboradores com vínculo com a extensão universitária, por meio dos projetos continuados, circunstanciais e de financiamento externo, este através de editais, em especial os do Ministério da Saúde e do Ministério da Educação.

Núcleo de Socialização de Ciência e Tecnologia (NSCT)


Vinculado à Pró-Reitoria de Extensão e Relações Comunitárias (Proext), o Núcleo de Socialização de Ciência e Tecnologia (NSCT) promove ações de caráter comunitário, abrangente e humanitário, dirigido a estudantes, professores e à comunidade em geral.

Entre as atividades de 2018, o Projeto Inclusão Digital ofereceu oficinas e palestras para crianças e adolescentes, jovens, adultos e idosos. As oficinas beneficiaram 1.661 pessoas e as palestras atingiram um público de 812 pessoas.

Foram desenvolvidas, ainda, a Maratona Unisc de Computação (MUC), totalizando 192 pessoas, enquanto as oficinas com agricultores atenderam 265 pessoas, nos municípios de Rio Pardo, Venâncio Aires, Gramado Xavier, Sinimbu e Cerro Branco.

Núcleo de Gestão Pública (NGP)


Vinculado à Pró-Reitoria de Extensão e Relações Comunitárias (Proext), o Núcleo de Gestão Pública (NGP) tem por objetivo assessorar e desenvolver projetos em parceria com órgãos públicos e privados e atender a demandas da comunidade local e regional. Com a proposta de atuação metodológica, está voltado à construção conjunta do conhecimento, através da articulação do ensino, da pesquisa e da extensão, aplicando técnicas e ferramentas para a compreensão de processos sistêmicos e o auxílio na tomada de decisões.

O NGP atua nas seguintes áreas: Gestão e Políticas Públicas; Planejamento Urbano e Ambiental; Direito Urbano e Ambiental; Geoprocessamento; Meio Ambiente; e Desastres Naturais.

PROJETOS DE EXTENSÃO


Extensão é a dimensão que se relaciona com a comunidade, através de ações, projetos, cursos e eventos. A troca de experiências entre o saber científico e o saber popular, a aprendizagem mútua, a vivência com o outro, a solução de problemas, o atendimento e a assistência a demandas da comunidade são algumas expressões que caracterizam a extensão da Unisc.

A extensão é realizada por docentes, alunos e, principalmente, pela comunidade. São mais de 60 projetos de extensão com mais de 50 mil beneficiados diretos. A seguir, estão elencados alguns desses projetos:

  • Capacitação e assessoria para os líderes do trabalho dos catadores de resíduos sólidos no Município de Capão da Canoa/RS. Busca, através de uma atividade multidisciplinar composta por docente, acadêmicos, comunidade e poder público Municipal de Capão da Canoa, qualificar tecnicamente os líderes catadores/recicladores de resíduos sólidos vinculados à Associação dos Agentes Econômicos Ecológicos de Capão da Canoa/RS.
  • Conexão escola e Universidade: sujeitos, ações e saberes. Procura implantar um processo compartilhado de ações extensionistas a partir do princípio da reflexividade, direcionado para ações construídas a partir de práticas interativas e democráticas, visando a novas estratégias de acesso ao conhecimento, de inserção e inter-relações entre Universidade e comunidade escolar.
  • Consultoria ao projeto de Pagamento por Serviços Ambientais de Vera Cruz. Objetiva zelar e proteger a área de terras de propriedade do agricultor, na qual são executadas ações de recuperação de nascentes da Sub-bacia do Arroio Andréas e da Bacia Hidrográfica do Rio Pardo, RS.
  • Núcleo de Extensão Tecnológica e de Gestão Rural para Agricultura Familiar. Recebe e orienta os agricultores familiares que tiverem interesse na introdução de controles de registro de informações e de controles de gerenciamento administrativo e gestão rural. Tais atividades são desenvolvidas por meio da ação conjunta e coordenada de discentes, de docentes e de organizações parceiras, visando valorizar o saber do agricultor e favorecer a tomada de decisão.
  • Quem é meu pai? Concretização do direito fundamental à filiação através do reconhecimento de paternidade de crianças sem pai registral no município de Xangri-lá/RS. Visa incentivar e propiciar o reconhecimento espontâneo de paternidade, garantindo ao maior número possível de crianças e adolescentes um nome paterno em seus registros de nascimento. Para sua concretização, já conta com a parceria de diversas instituições, culminando com a busca e o chamamento dos supostos genitores para que procedam ao reconhecimento voluntário da paternidade ou, em caso de dúvida, requerendo o exame genético do DNA. Nessa fase, o projeto conta com a parceria da Defensoria Pública que, além de acompanhar a audiência de conciliação, faz o encaminhamento dos exames de DNA.
  • "Sorriso especial" - atendimento odontológico a pessoas com deficiência. Propõe ao atendimento odontológico a pessoas com deficiência, focando na prevenção através da educação e da conscientização dos cuidadores e usuários.

Na área da extensão, a Unisc integra o Fórum Nacional de Extensão e Ação Comunitária das Universidades e IES Comunitárias (ForExt). O pró-reitor de Extensão e Relações Comunitárias foi eleito vice-presidente da Câmara Sul do Fórum Nacional de Extensão e Ação Comunitária (Forext).


ATIVIDADES DESENVOLVIDAS NO ESPORTE


A Unisc vê no esporte uma grande oportunidade de proporcionar aos cidadãos a prática de hábitos saudáveis e a disciplina. Além de serem significativos, os números do esporte na Universidade mostram a importância que essa técnica possui enquanto força educacional e formadora de cidadania, além da qualidade do trabalho especializado desenvolvido pela Instituição em diferentes modalidades esportivas.

 

Projetos Cidade Beneficiados
25 de Julho Arroio do Tigre 70
Ação por uma cidadania melhor Santa Cruz do Sul 35
Ajusc Diversos 900
Alegria pra Viver Santa Cruz 40
Amo Santa Cruz do Sul 15
AUBF Venâncio Aires 60
Base - Avenida Santa Cruz do Sul 70
Base - Santa Cruz Santa Cruz do Sul 90
Centro Sinimbuense de Futsal Sinimbú e Rio Pequeno 120
Cestinha Diversos 800
Chacais Diversos 40
Esmeralda Santa Cruz do Sul 90
Eu Jogo Junto Diversos 140
Flamengo Santa Cruz do Sul 110
Futsal Assoeva Venâncio Aires 120
Futsal Santa Cruz do Sul Santa Cruz do Sul 90
Futsal Sobradinho Sobradinho 115
Jogada Certa Venâncio Aires 80
Karate - Venâncio Venâncio Aires 25
New Boys Santa Cruz do Sul 70
Ong do Selo Venâncio Aires 80
Projeto Craque Rio Pardo 100
Pedal Ativo Diversos 30
Xadrez HSC Santa Cruz do Sul 25
Xadrez nas escolas Santa Cruz do Sul 60
TOTAL   3.375


...
...
...

ATIVIDADES DESENVOLVIDAS NA CULTURA


Vinculado à Pró-Reitoria de Extensão e Relações Comunitárias da Unisc (Proext), o Núcleo de Arte e Cultura visa proporcionar aos estudantes da Instituição uma formação crítica e dialógica em extensão universitária, através de ações culturais desenvolvidas em diferentes programas e projetos.

As atividades desenvolvidas em 2018 beneficiaram 12.892 pessoas:


...
...

Música


Espaço Aberto

O projeto consiste em apresentações de músicos locais, sejam alunos da Unisc ou não, quinzenalmente, nas quartas-feiras, no horário do meio-dia, no Centro de Convivência da Unisc. Em 2018, foram 7 apresentações com público de 680 pessoas.

 

Palco Unisc

O projeto Palco Unisc recebeu um público de 80 pessoas, recebendo artistas santa-cruzenses e da região.

 

Shows Diversos

Os shows reuniram um público de 750 pessoas. Estiveram na Unisc: André Salomão, Murilo Silvestrim, The Fevers, José Delgado e Kris Pires.

 

Dança

Corpobolados: atingiu um público de 150 pessoas

Teatro


Maratona Inspirados de Teatro (Parque da Oktoberfest), com um público de 400 pessoas.

 

Orquestra de Câmara da Unisc

A Orquestra de Câmara da Unisc realizou 15 concertos em 2018 em sete cidades do Estado, sendo cinco desses concertos realizados com financiamentos da Lei de Incentivo à Cultura, atingindo um público de 6.150 pessoas.

 

Coro da Unisc

O Coro da Unisc realizou seus ensaios semanais, com início em março até meados de dezembro. Ocorreram diversas apresentações durante o ano, algumas delas acompanhadas da Orquestra de Câmara da Unisc, atingindo um público de 3.770 pessoas.

 

Curso de extensão

Escola de música

Sarau da Escola de Música teve um público de 220 pessoas e 42 alunos matriculados.

 

Batucasom

A Multifeira, o Seminário Indígena e a Denilândia   receberam um público total de 350 pessoas.

...
...

Tecnologia


TecnoUnisc


O Parque Científico e Tecnológico Regional da Unisc (TecnoUnisc) é um ambiente de produção e de gerenciamento de tecnologias voltadas às suas áreas de atuação, sendo um local favorável ao desenvolvimento de empresas de base tecnológica, empreendedoras e de inovação. Visa desenvolver ações que promovam a interação e a sinergia entre atividades de pesquisa e de desenvolvimento, que gerem produtos, processos e serviços inovadores. Isso ocorre por meio de um fluxo contínuo de transferência de conhecimento e de tecnologia entre Universidade, empresas, estado e sociedade.

A modalidade de gestão do TecnoUnisc segue a diretriz de uma ação compartilhada, que conta com o envolvimento dos parceiros sociais na tomada de decisões estratégicas. O Conselho Gestor, constituído por um conjunto de atores e de organizações locais e regionais, tem um importante papel no desenvolvimento econômico, social e tecnológico da região de abrangência do Parque.

Em 2018, o TecnoUnisc contou com nove empresas hospedadas e doze empresas associadas externas e houve maior interação com as empresas através de nove projetos de pesquisa.

Áreas de atuação:

  • Biotecnologia;
  • Oleoquímica;
  • Tecnologia Ambiental;
  • Tecnologia da Informação e Comunicação; e
  • Tecnologia em Sistemas e Processos Industriais.





Incubadora Tecnológica da Unisc (Itunisc)


A Incubadora Tecnológica da Unisc (Itunisc) está voltada à criação de novos negócios e apoia o empreendedor por meio da oferta de espaço físico, treinamento, consultorias especializadas, orientação empresarial e suporte na elaboração de projetos para a busca de recursos não reembolsáveis junto a órgãos de fomento. Oferece três formas de vínculo: pré-incubação, incubação interna ou incubação externa.

Entre os benefícios para as empresas, destacam-se:

  • Apoio à participação em eventos e treinamentos;
  • Orientação na elaboração do Plano de Negócios;
  • Apoio na intermediação de contatos;
  • Orientação empresarial;
  • Acesso a informações mercadológicas;
  • Apoio na busca de informações tecnológicas; e
  • Orientação na elaboração de projetos para obtenção de recursos financeiros não reembolsáveis.

A Itunisc contou, no ano de 2018, com a pré-incubação de cinco projetos e a incubação de cinco empresas. Além disso, houve interação com os seguintes cursos de graduação, por meio de palestras e de visitas técnicas: Administração, Ciências Contábeis, Engenharia de Produção, Ciência da Computação, Gastronomia e Sistemas para Internet, possibilitando que 450 alunos conhecessem a estrutura da Itunisc. Ao longo dos seus 13 anos, a Itunisc já graduou 19 empresas.

Polo de Modernização Tecnológica do Vale do Rio Pardo (PMT/VRP)


O Polo de Modernização Tecnológica do Vale do Rio Pardo (PMT/VRP) está vinculado ao Conselho Regional de Desenvolvimento do Vale do Rio Pardo (Corede/VRP) e integra o Programa de Apoio aos Polos de Inovação Tecnológica do Estado, por meio de programa da Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado do Rio Grande do Sul (SDECT). O PMT/VRP comemorou 25 anos de atuação na região, no ano de 2018, junto com os 25 anos da Unisc.

Atua por meio da infraestrutura física e de pessoal do Escritório de Projetos da Unisc, tendo suas ações nas áreas de Alimentos, Meio Ambiente, Materiais, Tecnologia da Informação, Biotecnologia e Saúde. Fazem parte das atividades a proposição para o desenvolvimento de projetos científicos e tecnológicos e a assessoria e consultoria nas suas áreas prioritárias de atuação. Também realiza, por meio de seus projetos de pesquisa, encontros com a comunidade, promovendo a transferência de tecnologias apropriadas ao público regional.  



Escritório de Projetos


Em atividade desde o dia 1º de agosto de 2016, o Escritório de Projetos da Unisc é decorrente da junção do Núcleo de Assessoramento a Projetos (Nuap), do Polo de Modernização Tecnológica do Vale do Rio Pardo (PMT/VRP) e do setor de Prestação de Contas de Projetos. Foi pensado para centralizar o encaminhamento, o acompanhamento e a prestação de contas dos projetos institucionais de ensino, de pesquisa e de extensão com recursos externos, desenvolvidos por docentes e/ou por técnicos administrativos da Unisc.

O Escritório atua como agente facilitador na relação entre os pesquisadores e as entidades públicas e privadas. É setor de referência para o apoio ao desenvolvimento de projetos, tanto para a comunidade interna, quanto para a comunidade em geral, qualificando o atendimento aos pesquisadores, aos extensionistas e aos financiadores.

No ano de 2018, o Escritório de Projetos divulgou 100 oportunidades entre editais/chamadas/prêmios e outros, encaminhou 131 projetos aos financiadores e realizou o acompanhamento dos projetos aprovados/contemplados no ano e dos remanescentes (ainda vigentes) dos anos anteriores.

Projetos de pesquisa


A Unisc, comprometida com o desenvolvimento e a valorização dos princípios éticos para com a comunidade na qual está inserida, busca, constantemente, por programas de financiamentos e bolsas para possibilitar a inserção dos estudantes nos cursos de graduação e pós-graduação stricto sensu.

Laboratório interativo de criatividade (LIC): desenvolvendo ambientes para a inovação

- teve como objetivo central criar dois ambientes, um real e outro virtual, para estimular a capacidade de pesquisa das organizações parceiras do Parque Científico e Tecnológico da Unisc (TecnoUnisc). Iniciou a sua implantação junto ao TecnoUnisc, buscando caminhos criativos e inovadores para a proposição de uma ferramenta computacional, para análise e monitoramento de diversas ferramentas existentes para a promoção da criatividade, assim como está realizando estudos sobre as técnicas e ferramentas de incentivo à criatividade mais difundidas no mercado e no mundo, para promover o uso dessas técnicas e ferramentas junto ao Laboratório Interativo de Criatividade. Apoio: Programa PGTEC/RS.

Desenvolvimento de métodos moleculares no diagnóstico de doenças infecciosas e de genes envolvidos na resistência antimicrobiana

- objetivou desenvolver métodos moleculares para auxiliar no diagnóstico de infecções e detecção de genes envolvidos na resistência antimicrobiana. Através dessa pesquisa foi possível, utilizando metodologias moleculares, discriminar isolados microbiológicos e 11 genes de resistência em curto período de tempo. Apoio: Hospital Santa Cruz, Laboratório Santa Cruz.

Políticas Públicas para inserção da mulher migrante no mercado de trabalho decente: uma análise da realidade brasileira

- através da pesquisa, buscou-se averiguar quais são as políticas públicas existentes no Brasil para a inclusão laboral de mulheres migrantes. A justificativa pautou-se na alteração legislativa promovida pela Lei nº 13.445/2017 (Lei de Migração), que consagra princípios humanitários e a inclusão social, laboral e produtiva do migrante por meio de políticas públicas. Constatou-se que houve um aumento da participação feminina nos movimentos migratórios internacionais. Dados do Fundo das Nações Unidas para a População - UNFPA demonstram que, em 2013, as mulheres constituíam em média 48% do contingente de migrantes internacionais, ressalvando algumas diferenças regionais. É o fenômeno chamado “feminização das migrações”, que leva as mulheres a migrarem em busca de melhores condições de vida para si e para seus filhos.

Estudo socioeconômico e demográfico da população idosa no meio rural do município de Santa Cruz do Sul

- o projeto visa verificar as condições econômicas e sociodemográficas de idosos de sete distritos do município de Santa Cruz do Sul e, ainda, investigar quais as representações sociais sobre a velhice e os traços culturais presentes em ideias, afetos, crenças, reflexões e valores, desses idosos. As análises iniciais dos dados indicam que a maioria são idosos aposentados (97,9%), e grande parte vive com renda mensal de até dois salários mínimos. Em relação ao trabalho, na maior parte da vida, 85,5% dessa população dedicaram-se à agricultura. Outro dado interessante é a baixa escolaridade, já que 61,9% da amostra possui em até quatro anos de estudo. A vida no campo aparece como uma alternativa mais tranquila em comparação com a cidade. Nesses locais, o trabalho é extremamente valorizado, assim como a religião, tendo nas igrejas um importante ponto de encontro social e noção de pertencimento. Apoio: Secretaria Municipal de Inclusão e Desenvolvimento Social e Habitação, Fundo Municipal do Idoso.

Na área da pesquisa, dois professores da Unisc integram o Conselho Superior da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul (Fapergs), e a Pró-Reitora de Pesquisa e Pós-Graduação (Proppg) é representante nacional das Instituições Comunitárias de Ensino Superior no Fórum de Pró-Reitores de Pesquisa e Pós-Graduação/RS (Foprop).

Meio Ambiente


Proteção da biodiversidade (RPPN)


A Reserva Particular do Patrimônio Natural da Unisc (RPPN) tem a função principal de contribuir para a proteção e recuperação da Mata Atlântica, não permitindo, dentro dos seus limites, o uso da terra para atividades produtivas. Dessa forma, constitui um local protegido quanto à perda de biodiversidade e à degradação do solo. A propriedade, localizada no município de Sinimbu, tem mais de 300 hectares, dos quais 221,39 hectares são gravados como RPPN, através da Portaria nº 16, de 18 de março de 2009.

Sua paisagem caracteriza-se pela riqueza da vegetação e pelo relevo acidentado, sendo composta por grandes vales e encostas íngremes. É frequentemente associada ao Salto do Rio Pardinho, uma queda d’água de notável beleza cênica, que também é ponto turístico do município de Sinimbu e limite noroeste da RPPN da Unisc. Além de contribuir para a ampliação das áreas protegidas no país e para a conservação dos ecossistemas, sendo um refúgio para a fauna e a flora, a RPPN também presta serviços ambientais, como a regulação do ciclo da água e do clima.

Programa de Gerenciamento de Resíduos Sólidos (PGRS)


Diversas medidas de gestão ambiental são adotadas para que os resíduos gerados na Instituição tenham uma destinação adequada, começando pela coleta seletiva, que contempla a disponibilização de coletores para cada material (papel, plástico, metal, vidro, orgânico e rejeito), bem como, as ações de educação ambiental. A Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis de Santa Cruz do Sul recebe a porção reciclável, convertendo os resíduos em geração de renda e de inclusão social.

Somente no ano de 2018, foram enviados para reciclagem cerca de 50 toneladas de material reciclável. Devido à diversidade de atividades desenvolvidas na Instituição, há resíduos que precisam receber atenção especial, tais como os provenientes de laboratórios, as lâmpadas fluorescentes, os resíduos da construção civil e dos serviços de saúde. Nesses casos, os materiais são encaminhados para empresas capacitadas e licenciadas pelos órgãos ambientais competentes. Em 2018, foram encaminhadas cerca de 12 toneladas de resíduos químicos líquidos e sólidos, 2.600 lâmpadas fluorescentes e 360 m3 de resíduos da construção civil. Os resíduos sépticos, provenientes da área da saúde e do ensino, totalizaram aproximadamente 7,5 toneladas.

Já a parcela constituída pelo rejeito/orgânico (materiais que não podem ser reciclados) é encaminhada para aterro sanitário devidamente licenciado, local onde são adotadas diversas medidas para que os resíduos não contaminem o meio ambiente. Em 2018, foram encaminhados cerca de 1.780 m3. De forma constante, são realizadas campanhas que visam ao consumo consciente e à redução de desperdícios, buscando-se, assim, não apenas o atendimento à legislação, mas principalmente atuar de forma responsável, proativa e em consonância com as práticas ambientais de conservação de recursos naturais.

Estação de Tratamento de Efluentes (ETE)


Todo o efluente sanitário gerado no campus da Unisc é tratado em uma Estação de Tratamento de Efluentes (ETE), antes de ser lançado no meio ambiente. A ETE trata o efluente por meio de processos biológicos e segue as exigências estabelecidas pela legislação, estando devidamente licenciada junto ao órgão ambiental municipal. O sistema também constitui uma área de pesquisa e desenvolvimento de projetos acadêmicos, tanto da graduação quanto da pós-graduação.

Valorização de áreas verdes


Em 2018, algumas áreas verdes do campus da Unisc Santa Cruz do Sul receberam tratamento paisagístico, dando continuidade ao trabalho iniciado em anos anteriores, com intervenções nos blocos 1, 28, 34, 35, 45 e 52, além do Auditório Central. Também foi mantido o cuidado com as árvores nativas plantadas anteriormente. A manutenção desse plantio garantiu o crescimento delas, que estão viçosas e valorizam os espaços, contribuindo para o equilíbrio do ecossistema, pois atraem animais nativos e evitam a disseminação de espécies exóticas.


Educação Ambiental


A educação ambiental é promovida de forma constante, com ações formais e informais, tanto no âmbito administrativo quanto acadêmico, envolvendo os níveis de ensino, pesquisa e extensão. Juntamente com o Setor de Recursos Humanos, a Área Ambiental participa da integração de novos funcionários e oferece oficinas de educação ambiental. Nesses momentos, informa sobre as práticas ambientais praticadas na Instituição, convidando todos para se engajarem nas campanhas promovidas pela Unisc.

Para os estudantes dos cursos de graduação e os técnicos administrativos da Universidade, são disponibilizadas palestras, nas quais são divulgadas orientações sobre as atitudes que cada um pode tomar, a fim de contribuir com a gestão dos resíduos gerados, no consumo e uso consciente de água, de materiais e de energia elétrica.

A Área Ambiental também procura prestigiar os eventos relativos às questões ambientais, sendo frequentemente parceira de ações dessa natureza. Em 2018, esteve presente na Semana Educativa do Senai, palestrando para os estudantes dos cursos técnicos; ofereceu oficinas na Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho da Unisc (Sipat) e palestrou no Workshop “Semana de Sustentabilidade Local”, do Riovale Jornal, e na 17ª Expoagro Afubra.

Foram promovidos eventos e ações para marcar datas importantes, destacando-se a
Semana do Meio Ambiente, que contou com a participação de professores e estudantes dos cursos de Direito, Engenharias e Ciências Biologicas, proporcionando um circuito de palestras ambientais sobre diferentes temas. Para estudantes do Ensino Médio de escolas de Santa Cruz do Sul, foi ministrada uma palestra abordando o tema “Consuma para viver, não viva para consumir”. Ainda, visitas técnicas à Estação de Tratamento de Esgoto e ao Centro de Depósitos de Resíduos foram ofertadas para escolas e entidades da região, orientando sobre a coleta seletiva e o tratamento adequado do efluente, destacando-se a importância das ações ambientais da Unisc junto à comunidade.

Com todas essas ações, a Área Ambiental procura estar presente e atuante junto às comunidades internas e externas da Universidade, seja participando de eventos ou promovendo-os, realizando palestras ou publicando artigos em jornais, tudo para reforçar a prática da educação ambiental.






Projeto de extensão Plantando o Futuro


O projeto de extensão Plantando o Futuro é desenvolvido junto à comunidade escolar nas cidades de Santa Cruz do Sul e de Montenegro, proporcionando atividades de educação ambiental em escolas públicas da região. Inicialmente, são oferecidas palestras às turmas envolvidas, seguidas de oficinas, oportunizando atividades práticas de construção e cultivo de horta orgânica, compostagem e artesanato com materiais recicláveis. O objetivo é expor, despertar e executar a Educação Ambiental de forma sustentável, reutilizando os resíduos produzidos por todos, levando estudantes de escolas públicas a pensar em soluções para as questões ambientais e para a construção de um futuro melhor.

No ano de 2018, em Santa Cruz do Sul, as ações foram desenvolvidas junto ao Programa AABB Comunidade, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação, envolvendo 300 estudantes das seguintes Instituições: Escola Municipal de Ensino Fundamental São Canísio, Escola Municipal de Ensino Fundamental Menino Deus, Escola Municipal de Ensino Fundamental Frederico Assmann, Escola Municipal de Ensino Fundamental Duque de Caxias, Escola Municipal de Ensino Fundamental Guido Herberts, Escola Municipal de Ensino Fundamental Rauber, Escola Municipal de Ensino Fundamental Harmonia, Escola Municipal de Ensino Fundamental Hildebrand e Escola Municipal de Ensino Fundamental Leonel. Também foram desenvolvidas ações do Projeto Plantando o Futuro na Escola Estadual de Ensino Fundamental Dr. Jorge Guilherme Moojen e no Colégio Estadual Ivo Buhler, ambas de Montenegro, atendendo cerca de 100 alunos do 6° ao 9° ano, totalizando 200 horas de dedicação do projeto.

Comitê Pardo


O Comitê de Gerenciamento da Bacia Hidrográfica do Rio Pardo (Comitê Pardo) é um órgão colegiado e deliberativo, formado por 42 instituições que representam os usuários da água, a população da bacia hidrográfica e os órgãos do poder público.

O intuito do Comitê Pardo consiste em gerenciar as águas da bacia de forma descentralizada, integrada e participativa, conforme a Lei Estadual n° 10.350/1994, que prevê os seguintes instrumentos de planejamento e de gestão de recursos hídricos: Plano de Bacia, Enquadramento dos Corpos d´Água, Outorga e Cobrança pelo Uso da Água.